quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Pornô

O Primal Scream é uma banda que transita do rock ao eletrônico com uma naturalidade de deixar atriz pornô encabulada. Por isso, uma coletânea dos caras traz fases completamente diferentes de três em três músicas. Guitarras com riffs fantásticos dão o tom de "Jailbird", cruzam com baladas como "Cry Myself Blind" e são atropeladas pelas massacrantes batidas de "Miss Lucifer" ou pelo irracional som saturado de "Accelerator".

O fato é que o Primal Scream se inventa, se desdobra e nunca se limita ao simples rótulo de "banda de rock". E isso feito com a competência de quem não deixa a peteca cair há décadas. Coletânea sensacional.


1. Loaded (Edited Version)
2. Movin' On Up
3. Come Together (7" Mix)
4. Higher Than The Sun
5. Rocks
6. Jailbird (Original Mix)
7. (I'm Gonna) Cry Myself Blind
8. Burning Wheel (New Edit)
9. Kowalski (New Edit)
10. Long Life
11. Swastika Eyes (Edit)
12. Kill All Hippies (Brendan Lynch Edit)
13. Accelerator
14. Shoot Speed / Kill Light
15. Miss Lucifer
16. Deep Hit Of Morning Sun
17. Some Velvet Morning (New Version)
18. Autobahn 66

3 comentários:

Giul, Discoteclando disse...

embora tenha acompanhado todas as fases e considerado que a banda é um elemento essencial para se entender o processo de desintoxicação das drogas dos anos 80 e, depois, no final dos 90, quando viraram os traficantes da overdosagem de eletrônica no rock - demonstrando que podia ser eletrônico e soar rock e podia ser rock mesmo com os aparatos eletrônicos - eu ainda prefiro a banda em seu momento mais Stones, do álbum Give Out But Don't Give Up (1994). E o Riot City Blues (2006) que é uma volta (não volta) de um petardo blues rock nas orelhas... álbum sublime que avisa que eles não se prendem mesmo em rótulos.

Giul, Discoteclando disse...

comentar aqui me deu vontade de fazer um discoteclando do primal scream com essa abordagem do meu comentário acima... poderes sobrenaturais do primal scream...

atlantic disse...

hahahaha... eu dou apoio à idéia, Giul! Quanto mais Primal Scream na rede, melhor!