segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

O peso da verdade

Se tem um cara que sabe se associar a pessoas talentosas, esse cara é Rod Stewart. Sua voz é um instrumento poderoso e quando entra em conjunto com músicos do porte de Jeff Beck, Ronnie Wood, Keith Moon, Jimmy Page e John Paul Jones, o incêndio é inevitável.

Truth
, obra-prima de Jeff Beck, já recebeu todos os elogios que um disco poderia receber. É difícil dizer algo além de tudo o que já foi escrito sobre esse álbum de 1968 - eita, ano bom! - mas, se quer saber, vou me repetir: o disco é imperdível, apaixonante e nossa maior homenagem é fazer com que esse seja o álbum que abre 2009 aqui no Basf 90.

Nova temporada no blog ao som de Jeff Beck, Rod Stewart e sua turma de pesos pesados do roquenrol!


1. Shapes Of Things
2. Let Me Love You
3. Morning Dew
4. You Shook Me (Alternate Version)
5. Ol' Man River
6. Greensleeves
7. Rock My Plimsoul
8. Beck's Bolero
9. Blues Deluxe
10. I Ain't Superstitious

6 comentários:

Giul, Discoteclando disse...

O título do álbum já diz tudo, rock and roll verdadeiro em seu estado sublime!!!

atlantic disse...

Pois é, Giul. Jeff Beck fez questão de assinar seu primeiro disco solo com uma escalação de peso em todos os postos. Das marimbas ao reco-reco não tinha ninguém fraco.

Henrique disse...

Rod Stewart já foi bom, né?

E esse disco do Beck é show...
Se bem que Beck'Ola é show tb! Não deixem de ouvir!

Valeu...

atlantic disse...

É, rapaz, o tal do Rod Stewart já fez bonito.

E por aqui, a "família Beck" em alta rotação... Beck e Jeff Beck.

Henrique disse...

Cuidado, hem, esse negócio de muito "Beck" na cabeça pode fazer mal... hehehe

atlantic disse...

É verdade, Henrique. Muito beck pra uma semana só! Vou transferir o blog para a Jamaica. :)